Resumo de “Deus Salve o Rei”, quarta-feira – 13 de junho, Afonso perdoa Ísis, Augusto descobre que está sendo considerado morto e Augusto revela que terá que coroar Catarina

Capítulo 133 – Terça-feira, 12 de junho

Afonso explica a Catarina que ela só poderá ser coroada como rainha quando esclarecer o sumiço de seu pai.

Tiago ajuda Selena a descobrir que Ísis é a verdadeira responsável por colar os cartazes pelo reino.

Lucrécia deixa Rodolfo e seus conselheiros se abrigarem em Alcaluz, porém exige que em troca eles trabalhem para ela.

Virgílio avisa a Augusto que Héber aceitou a colaborar com o plano para Retirá-lo de Lastrilha.

O conselho de Cália entende que, pelo tempo de desaparecimento de Augusto, o rei pode ser considerado morto. Catarina conta para Lucíola que vai destruir a mina de Montemor.

Capítulo 134 – Quarta-feira, 13 de junho

Catarina aconselha Delano a comprar um explosivo para testar seu plano para acabar com a mina de Montemor.

Petrônio e Orlando acabam ficando contra Rodolfo. Amália pede a Brumela para promover Diana a sua dama de companhia.

Afonso conta para Amália que irá precisar declarar a independência a Artena e coroar Catarina como rainha.

Margô entra na sala secreta do castelo, onde estão guardados vários baús com moedas de ouro.

Afonso concorda com a sugestão de Romero de tornar Tiago membro da guarda real.

Afonso atende ao pedido de Amália e decide perdoar Ísis.

Augusto descobre que o Conselho de Cália já está o considerando morto, devido ao seu sumiço.